• novas viaturas
  • helicopter_graer
  • Destaque Polícia Militar
  • Destaque Polícia Militar
  • Destaque Polícia Militar
  • Intranet
  • Estado

Histórico



O 13° BPM originou-se do policiamento de radiopatrulha (RP), implantado na PMPR em 1968. Esse policiamento era realizado por um esquadrão motorizado do Regimento de Polícia Montada (RPMon).Em 1971 esse policiamento foi ampliado e adquiriu autonomia, passando a denominar-se Corpo de Policiamento Rádio Motorizado (CPRM). O CPRM iniciou suas atividades com quatorze viaturas interligadas a uma Central de Operações, atuando em toda a cidade de Curitiba.

No ano de 1976 o CPRM passou a designar-se como 13° Batalhão de Polícia Militar, com o Comandante 1° Tenente Sérgio Mastek Ramos com o 2° tenente João Luis Zilli Porsides e 2° Tenente Ademar Benevenuto Moletta como auxiliares com responsabilidade pela área sul de Curitiba, passando também a atuar nos Municípios de Campo Largo, Araucária, Contenda e Balsa Nova. Entretanto, com a criação e ativação do Batalhão Metropolitano (17º BPM), em 1991, esses Municípios foram desmembrados para essa OPM.

A nomeação atual da OPM foi dada em 2005, passando a denominar-se Batalhão Ten.-Cel. Pedro Plocharski, em homenagem ao seu Subcomandante, o qual foi morto em uma ação criminosa enquanto respondia pelo Comando da OPM. A área de responsabilidade territorial do 13º Batalhão abrange toda a região sul de Curitiba, sendo constituída por quatorze bairros, tendo uma população de aproximadamente 489.668 habitantes. A OPM está dividida em 04 (três) Subáreas, sendo elas de responsabilidade das 1ª, 2ª, 3ª e 4ª Companhias, bem como, a estrutura do projeto UPS Tatuquara.

A unidade foi laboratório para a implantação do SISCOP, em 1998, implantação do BOU (Boletim de Ocorrência Unificado), em 2004. Conta com cartórios de Termos-Circunstanciados da PMPR em Curitiba, o que facilita e agiliza o serviço do rádio patrulheiro, conta com o pioneiro e até agora único projeto da “Segurança Social”, metodologia inovadora para consolidação da Polícia Comunitária, numa verdadeira gestão comunitária da segurança pública, denominado Formando Cidadão, presente na OPM desde 1995.

 

 

 

 

 

 

 

 


Recomendar esta página via e-mail: