• novas viaturas
  • helicopter_graer
  • Destaque Polícia Militar
  • Destaque Polícia Militar
  • Destaque Polícia Militar
  • Intranet
  • Estado

RMC

12/02/2018

Polícia Militar recupera veículos e apreende cinco armas de fogo durante ação em Quatro Barras, na RMC

Por Marcia Santos
Jornalista PMPR

Equipes do 22º Batalhão de Polícia Militar (22º BPM), pertencente ao 6º Comando Regional da PM (6º CRPM), apreenderam dois fuzis, uma pistola, um revólver, colete balístico, carregadores, munições e demais objetos durante uma ação em Quatro Barras (PR), Região Metropolitana de Curitiba (RMC). A abordagem aconteceu no domingo (11/02) e resultou também em dois veículos recuperados. Cinco suspeitos entraram em óbito após confronto.

Por volta das 18h, os policiais estavam em patrulhamento quando foram abordados por uma pessoa que informou ter visto dois veículos, um Voyage e um Peugeot, estacionados na rodovia em atitude suspeita. A equipe foi até o local e avistou o Voyage, de cor prata, momento em que o condutor fugiu e iniciou-se um acompanhamento tático.

Na fuga o motorista do automóvel perdeu o controle e colidiu na rotatória da Estrada Velha da Graciosa. De acordo com informações contidas no Boletim de Ocorrência, um dos ocupantes do carro teria feito disparos na direção dos militares estaduais que revidaram. Os quatro suspeitos que estavam no veículo ficaram feridos, sendo acionado atendimento médico que constatou o óbito dos envolvidos.

Com o quarteto os policiais encontraram dois fuzis, duas pistolas, um colete balístico, carregadores e várias munições. Em continuidade à ação, as equipes conseguiram localizar o outro carro, um Peugeot de cor preta. Após um novo confronto, foi apreendido um revólver calibre 38 com o condutor do veículo, o qual entrou em óbito no local.

No local também foi verificado que os dois veículos usados pelos suspeitos estavam com alerta de furto/roubo. A Criminalística e o IML foram acionados para as medidas cabíveis. As cinco armas de fogo e demais apreensões foram entregues na Delegacia de Polícia Civil para as medidas cabíveis.
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.