Apreensão de barco e caixas de cigarros em Guaíra durante operação na fronteira causa prejuízo de R$ 1,8 milhão ao crime organizado
20/06/2021 - 14:20

Em um porto clandestino na cidade de Guaíra (PR), no Oeste do estado, uma ação do Batalhão de Polícia de Fronteira (BPFron) e da Polícia Federal na madrugada de sexta-feira (18/06) resultou na apreensão de um barco com 35 mil pacotes de cigarros contrabandeados do Paraguai, um prejuízo de R$ 1,8 milhão ao crime organizado. A apreensão faz parte das atividades da Operação Hórus, coordenada pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública.


As equipes do Corpo de Operações de Busca e Apreensão Aquática (COBRA) e da Polícia Federal estavam em patrulhamento na região de portos clandestinos quando viram uma embarcação artesanal de aproximadamente 12 metros de cumprimento, carregada com caixas de cigarros. Com a aproximação dos policiais, os suspeitos fugiram pelo matagal e abandonaram a carga. 


Somando o valor do barco e da mercadoria, o prejuízo causado aos criminosos com a apreensão é de R$ 1,8 milhão. O barco e os cigarros foram apreendidos e encaminhados para as autoridades competentes. Nenhum suspeito foi localizado. 


A Operação Hórus é desencadeada dentro do programa V.I.G.I.A., com amparo legal do Programa de Proteção Integrada de Fronteiras para combater crimes transfronteiriços em ações integradas. Os trabalhos envolvem equipes da Polícia Federal, do Batalhão de Polícia de Fronteira (BPFron), do Corpo de Operações de Busca e Repressão Aquática (COBRA), da Companhia de Comandos e Operações Especiais (COE) do Batalhão de Operações Especiais (BOPE), ambos da Polícia Militar do Paraná; do grupo Tigre da Polícia Civil do Paraná; do BOPE da PM de Mato Grosso do Sul, além da Força Nacional e do Exército Brasileiro.
 

GALERIA DE IMAGENS

Últimas Notícias